Associativismo
A Freguesia
Documentação Útil
Contactos
Assembleia
A Junta

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

A História
Localização
O Património
A Lenda
Posto de Saúde
Festas Anuais
Galeria de Imagens

Atendimento ao Publico:

 

09:00 H às 16:30 H

Mais tarde, a necessidade de criação de uma escola pública no povoado levou à instalação escolar, isto em 1935. Dada, contudo a exiguidade da construção, tal não viria a acontecer, construindo-se um novo edifício para efeito - que ainda hoje se mantém, possuindo este a particularidade de nele estarem empregues grande parte dos materiais da velha ermida.

O terreno onde a escola se ergue também não é o mesmo outrora ocupado pela velha Igreja, tendo sido este doado por um santoantoniense de renome, Valentim da Rosa Limpo, que por volta dos anos trinta foi Vereador da Câmara Municipal do Barreiro.

O crescimento da população determinada a necessidade de uma nova Igreja, que se veios a construir em frente à escola primária, datado o inicio das obras de 1951, e o da conclusão da 1964. Da velha ermida e com algumas dúvidas, terão apenas sido aproveitadas duas pequenas pias para água benta e, talvez, a de baptizar, que hoje se encontra no interior da nova Igreja.

***

Por volta de 1860, aqui fixou residência um súbdito inglês, de nome Joseph Henrich Evens, nascido em Fallmouth, condado de Cornualha, em 1834.

O desenvolvimento do rústico povoado ia ser impulsionado por este homem que, segundo foi narrado pelos seus descendentes, viera contratado para Portugal, para dirigir trabalhos de construção da 1ª linha de caminho de ferro no nosso Pais, o topo de Lisboa ao Carregado.

Casou com uma rapariga de Santo António da Charneca, de nome Joaquina Andrade, de familia humilde mas muito atraente e de boas qualidades. Após ter trabalhado com maquinista na marinha mercante, fixou-se na terra onde se tornou um regular proprietário, motivando os habitantes do lugar para o melhor aproveitamento das suas terras e ajudando-os ainda nas suas necessidades.

No desenvolvimento da povoação, foi também auxiliado pelo proprietário e industrial Francisco Pinto da Silva (1818-1903), mais conhecido por Francisco Ilhéu, por ter nascido na Ilha da Madeira.

Joseph Henrich Evens faleceu em 1906, tendo o filho Henrique Andrade Evans (1880-1933) seguiu as pisadas do pai, na sua dedicação e amor por Santo António da Charneca, dando-lhe novo impulso, com o seu exemplo de trabalho e iniciativa. Dedicou-se com afinco ao estudo de letras e ciências, com tal aproveitamento que chegou a ser designado para professor liceal, do que desistiu, para se dedicar apenas, na sua freguesia ao ensino primário, tornando-se um distinto professor, dos mais competentes da região, tendo leccionado 44 anos.

***

Nesta incursão pela Historia de Santo António da Charneca, não podíamos deixar de fazer referencia a uma das suas mais notáveis figuras: Manuel Martins Gomes Júnior.

Nascido em Santo António a 11 de Novembro de 1860, filho de gente humilde, é um exemplo clássico do self-made-men, característico do final do período monárquico.


1
2
3
Página
Design de: Tiago Henriques Jorge (tiagohenriquesjorge@gmail.com)
© 2011 Freguesia de Santo António da Charneca - Todos os direitos reservados
Facebook
Voltar ao topo
Mapa de Site
Pag. Inicial
C.M.Barreiro
Finaças
Hospital do Barreiro
Farmácia
Segurança Social
Ministerio da Saúde